Ainda que o imperador
D. Pedro II entendesse que a questão da emancipação dos escravos no Brasil
devesse ser tratada com a cautela necessária no que se referisse aos interesses
da agricultura e do instituto da propriedade, a lei do Ventre Livre e a Lei
Áurea propunham em seus textos a extinção definitiva e imediata do trabalho
escravo, sem que se fizesse qualquer referência a possíveis indenizações que
pudessem vir a ser concedidas aos proprietários de escravos pela emancipação
dos mesmos. Esta afirmativa está CORRETA ou ERRADA?

1

Respostas

2013-10-01T16:39:22-03:00
INCORRETA  pois com a lei áurea e a lei do ventre livre o estado pagava uma adenização aos proprietários do escravo que era de 27.000 na moeda da época que eu esqueci qual foi.