Respostas

  • PeH
  • Ambicioso
2013-10-02T14:46:05-03:00
O prisma em questão é um triangular regular. Isto significa que sua base é um triângulo equilátero (característica sugerida pelo regular). Sabendo seu volume e sua altura, podemos descobrir a área de sua base:

\boxed{\text{V} = \text{A}_b \cdot h} \\\\ \bullet \text{V = 8 m}^3 \\ \bullet h = \text{80 cm} = \text{0,8 m} \\\\ 8 = \text{A}_b \cdot 0,8 \\ \text{A}_b = \frac{8}{0,8} = \text{10 cm}^2

A base deste prisma é um triângulo equilátero. Sabendo sua área, podemos descobrir a medida de seus lados, que equivalem à medida da aresta da base.

A área do triângulo equilátero é definida por:

\text{A} = \frac{l^2 \sqrt{3}}{4}

Assim:

10 = \frac{l^2 \sqrt{3}}{4} \\\\ l^2 \sqrt{3} = 40 \\\\ l^2 = \frac{40}{\sqrt{3}} \\\\ l = \sqrt{\frac{40}{\sqrt{3}}} \ \text{m}
vc pareçe q filho de roberto carlos : o cara poxa vlws
nada ;)