Respostas

2013-11-23T09:40:34-02:00

Esta é uma Resposta Verificada

×
As Respostas verificadas contém informações confiáveis, garantidas por um time de especialistas escolhido a dedo. O Brainly tem milhões de respostas de alta qualidade, todas cuidadosamente moderadas pela nossa comunidade de membros, e respostas verificadas são as melhores de todas.
Ambos são movimentos literários,e totalmente diferentes.
O barroco se deu por volta do século XVI, XVII, e começo do XVIII, no Brasil e em Portugal.
O contexto histórico era o absolutismo, o colonialismo, reforma protestante e a contra-reforma. Por isso as características dessa literatura eram: dualismo entre teocentrismo e antropocentrismo, e contradições. Estilisticamente eram usadas muitas figuras de linguagem, o que é chamado ornamentalismo.
O tema era basicamente a angústia, diante da salvação/perdição, vida/morte, sensualismo/platonismo, esperança/pessimismo.
Em Portugal o nome de destaque dessa vertente é Pe. Antonio Vieira.
No Brasil, Gregório de Matos.

O arcadismo por sua vez se deu logo em seguida. Havia uma nova mentalidade consolidada, devido a Rev. Francesa, Independência de várias colônias, especialmente a dos EUA, Rev. Industrial. Por isso ao invés de se entregar intensamente ao sentimento como o barroco fazia, agora a ordem era ser racional e equilibrado. Para isso retomaram o pensamento e estilo clássico(greco-romano).
Principais nomes:em Portugal, Bocage; no Brasil, Basílio da Gama, Cláudio Manoel da Costa e Tomás A. Gonzaga.
1 5 1
2013-11-23T14:12:11-02:00

Esta é uma Resposta Verificada

×
As Respostas verificadas contém informações confiáveis, garantidas por um time de especialistas escolhido a dedo. O Brainly tem milhões de respostas de alta qualidade, todas cuidadosamente moderadas pela nossa comunidade de membros, e respostas verificadas são as melhores de todas.
O arcadismo (Setecentismo, ou ainda neoclassicismo)  tinha uma proposta bucólica, e seus escritores queriam retornar ao modelo clássico, tendo uma visão antropocêntrica do mundo. Geralmente seus escritores são chamados de falsos, porque relatavam uma visão de mundo que não viviam. No arcadismo também tem o "carpe diem", aproveitar o agora, viver plenamente hoje. No Brasil, os principais foram Tomás Antônio Gonzaga, Cláudio Manuel da Costa e Santa Rita Durão.

Já o barroco, buscava reconciliar a espiritualidade com a razão, tendo assim as principais características a contradição e contraste. O seu expoente foi Gregório de Matos, baiano.