Respostas

2013-04-16T01:20:17-03:00

 

 

          Durante o período colonial, ocorreram diversas invasões estrangeiras no Brasil, sobretudo de franceses, holandeses e britânicos. Alguns deles chegaram a fixar-se em pontos do território, mas acabaram expulsos pelos portugueses, muitas vezes com o apoio de povos indígenas.

A imigração para o Brasil iniciou-se em 1530 com a expedição de Martim Afonso de Sousa. Os portugueses que vinham para cá estavam interessados apenas na extração de recursos naturais para comercializá-los na Europa. Com a criação das capitanias hereditárias e o início da lavoura de cana-de-açúcar, houve a fixação de portugueses e escravos negros no país, sobretudo no litoral dos atuais estados da Bahia, Alagoas, Pernambuco e Paraíba. Embora nessa época tenham surgido algumas vilas nas áreas que, atualmente, correspondem a São Paulo e Rio de Janeiro, a ocupação do território começa a se impulsionar somente a partir dos séculos XVIII e XIX, com a mineração e atividade cafeeira.

          Com a abertura dos portos, em 1808, foi permitida a entrada de outros imigrantes europeus livres além dos portugueses, até então os únicos, ao lado dos escravos, que podiam se fixar no Brasil. O fluxo de imigrantes livres, porém, foi muito pequeno, já que praticamente não havia empregos que pudessem ser oferecidos a eles. As funções urbanas (comércio, funcionalismo público e serviços em geral) eram exercidas pelos portugueses e seus descendentes, enquanto as atividades econômicas de base agrária ficavam a cargo dos escravos.

Ainda no século XIX e indo para as três primeiras décadas do século XX, entre 1850 a 1930, foi o período de maior entrada de imigrantes no Brasil, a maioria veio trabalhar nas fazendas de café (Rio de Janeiro e São Paulo), e também nas primeiras indústrias brasileiras. Os principais imigrantes que vieram residir no Brasil neste período eram italianos, alemães, espanhóis, sírio-libaneses, ucranianos e japoneses, muitos formaram as colônias agrícolas no sul do país.

A última fase de entrada de imigrantes é a atual, que começou em 1930 até os nossos dias, neste período ocorreu uma queda na entrada de imigrantes no país, entretanto, os que chegaram ao Brasil durante este período e continuam chegando são de quase todas as partes do mundo e os motivos que levaram e levam esses imigrantes a mudar para o país são os mais variados possíveis.

 

 

    PRINCIPAIS CORRENTES IMIGRATÓRIAS E EMIGRAÇÃO BRASILEIRAS 

   Não é possível estimar quantos escravos negros ingressaram no Brasil, quais os anos de maior fluxo, por qual porto entraram e de que lugar da África provieram. O gráfico abaixo contém dados apenas da entrada de imigrantes livres a partir de 1808, não considerando a corrente africana, a mais importante até 1850. Segundo as estimativas, ingressaram no país pelo menos quatro milhões de negros de 1550 a 1850, a maioria de Angola, Ilha de São Tomé e Costa do Marfim.