AJUDEM GENTI PFVRRR??? ><

A Hemofilia A é uma alteração genética determinada por um alelo recessivo ligado ao cromossomo X em que a capacidade de coagulação sanguínea é muito reduzida. Isso ocorre pela falta do fator de coagulação VIII no plasma sanguíneo, o que provoca sangramentos prolongados em ferimentos ou hemorragias internas em articulações e músculos. Sabe-se que um casal, em que ambos são normais para a hemofilia, já tem um menino hemofílico. A mulher está grávida novamente e conversou em uma consulta com um geneticista sobre as possibilidades dessa nova gestação. Ela quer saber as probabilidades de nascimento de:

I-Uma menina normal;
II-Uma menina hemofílica;
III-Um menino hemofílico;

A alternativa que indica as probabilidades corretas é:

A) 50% , 0% , 25%
B) 100% , 0% , 50%
C) 50% , 25 % , 25%
D) 50% , 0% , 50%
E) 25% , 50% , 25%

2

Respostas

2013-12-08T21:11:06-02:00

Esta é uma Resposta Verificada

×
As Respostas verificadas contém informações confiáveis, garantidas por um time de especialistas escolhido a dedo. O Brainly tem milhões de respostas de alta qualidade, todas cuidadosamente moderadas pela nossa comunidade de membros, e respostas verificadas são as melhores de todas.
Simplificando: a mãe possui alelo  x^{H} x^{h}  , porque ela carrega o alelo mas é "normal" para hemofilia. Como o pai é normal ele necessariamente não pode ter o alelo recessivo, já que como ele só possui um cromossomo X (o outro é Y), se ele tivesse o alelo recessivo seria obrigatoriamente portador da condição, logo ele é  x^{H}Y. Fazendo o cruzamento, obtemos>  x^{H}x^{H} ,  x^{H} x^{h},  x^{H}Y  e x^{h}y  onde H é normal e h é o alelo causador. Isso significa que, apesar de portadora, a filha não poderá apresentar a condição. O filho, por outro lado possui uma possibilidade de 50% de possuir tal condição.
Porém tenho uma dúvida: não sei se ele que a probabilidade apenas da doença, ou se é preciso calcular a probabilidade do sexo do feto + a probabilidade da doença...
Eu acredito ser a segunda opção, por isso fica: menina normal 2/2*1/2 = 2/4 = 50%
menina hemofílica = 0% e menino hemofílico = 1/2 * 1/2 = 1/4 = 25% ou seja, alternativa A.
2 3 2
A melhor resposta!
2013-12-08T22:02:47-02:00
Alternativa B, pois como se trata de um gene recessivo e ligado ao  X, todas as meninas serão normais mesmo que carregue o alelo, e portanto nenhuma chance de manifestação.
Numa gestação as chances são de 50% para macho e para fêmeas e dessas, metade dos machos podem ser normal e a outra metade acometida pela doença, portanto, probabilidade de 25% de se ter um filho hemofílico.
1 5 1