Respostas

2014-01-24T02:40:36-02:00
Advérbios são vocábulos que dão circunstância (de modo, tempo, lugar, dúvida e etc.) a um adjetivo, verbo ou outro advérbio.

Ex. : Chorava ≤ ardorosamente
                     (modifica o verbo)

Tinha uma beleza ≤ muito arrebatadora.
                          (modifica o adjetivo)

Não entendia muito ≥ bem as explicações. 
                    (modifica o advérbio) 


                       Classificação
De acordo com as circunstância, o advérbio pode ser:

De modo: 
O garoto olhou tristemente para o pai( = de modo triste) para o pai.
De lugar: Aqui está a casa sobre a qual falei. 
De tempo: Ontem saí com meus amigos. 
De dúvida: Talvez, eles venham ao jogo. 
De
intensidade: Havia muitas crianças na casa. 
De afirmação: Eles realmente gostaram do filme. 
De negação: Não saia sem agasalho. 

             Principais advérbios:
De afirmação: sim, certamente, realmente, deveras.

De duvida:
acaso, talvez, por ventura, quiçá, provavelmente, possivelmente.

De lugar:
abaixo, acima, adiante, aí, além, aqui, atrás, lá, defronte, dentro, detrás, junto, longe, onde, aquém.

De modo:
assim, bem, depressa, devagar, mal, melhor, pior, e quase todos terminados em - mente (rapidamente, velozmente, alegremente, popularmente, etc.)

De negação:
não, absolutamente, tampouco.

De intensidade:
bastante, muito, pouco, demais, mais, meio, menos, tanto, tão, quase, quanto, etc.

De tempo: agora, ainda, amanhã, anteontem, ontem, antes, breve, cedo, depois, então, hoje, sempre, logo, nunca, já, tarde, diariamente, etc.

                                        Emprego
O advérbio pode se prender a nome ou pronomes, e devido a isso, pode ser um advérbio nominal ou pronominal.

1) Advérbios Nominais: geralmente formados por um adjetivo + sufixo - mente.
Ex.: agradavelmente ( = de modo  agradável).

2) Advérbios pronominais: podem ser: relativos: onde, em que, quando, como, (por que). Esses advérbios figuram como ligação entre duas orações; demonstrativos:  aqui, lá, cá, aí;
indefinidos: que, muito, pouco; interrogativos: onde?, quando?, como?, por que?, por quê?.

Obs.: Grau dos Advérbios
Alguns advérbios podem ser flexionados como adjetivos ( principalmente os advérbios de modo), sendo usados como comparativo e no superlativo.
                       
                        1) Comparativo
De igualdade: Era tão magro como o amigo.
De inferioridade: Era menos magro que o amigo
De superioridade: (analítico) Era mais magro que o amigo; (sintético) era melhor que o amigo.

                      2) Superlativo
             Superlativo Absoluto
a) Analítico: Correu o mais rápido possível.
b) Sintético: Correu rapidamente.
c) Diminuitivo: (com valor de superlativo): Correu rapidinho até a padaria.

            Locuções Adverbiais e Palavras Denotativas

Locução Adverbial é uma expressão formada por preposição + substantivo, e que tem função de advérbio. 
Ex.: Ele executava a tarefa em silêncio ( = silenciosamente). 
                         preposição∧   ∧substantivo

                         Outras locuções adverbiais
Com certeza              À vontade             À noite                  Ao vivo
Com  honestidade       A cavalo               À tarde                Em breve
 À toa                         A pé                    Passo a passo     De vez em quando
 À vontade                 Em geral               Em domicílio         Pela manhã                           Por ora                   De tempos em tempos                                                                        
                             
Palavras Denotativas: são palavras semelhantes aos advérbios, mas que não podem ser classificadas como tal. Indicam circunstância de:         
 
Explicação: por exemplo, isto é, a saber.
Inclusão: inclusive, também, até.
Exclusão: só, somente.
Designação: eis.
Situação: então, se.
Realce: é que, é porque.
Retificação: isto é, aliás, etc. 

                Boa sorte na prova, abraços. ^_____^
                                                         



2 5 2