Respostas

2014-02-22T19:22:19-03:00
Deve-se levar conta diversos fatores:

- A forma esférica de nosso planeta. Assim, quem está perto da Linha do Equador, não tem percepção se o dia é mais longo que a noite. Mas à medida que se afasta do Equador, essa percepção aumenta. No verão, por exemplo, no Hemisfério Sul, os dias serão mais longos que as noites, pois esta parte do planeta está mais voltada para os raios solares. Isso mudará com a chegada do outono e durante o inverno, ou seja, por seis meses até a primavera.

- Os vários movimentos de nosso planeta. Rotação e translação são alguns deles. Além destes há, por exemplo, a Revolução. Tente visualizar: O Sol não está imóvel. Ele gira também, em torno da Via Láctea, e a Terra e os demais planetas o acompanham. Do ponto de vista da Via Láctea a Terra realiza a Revolução. Outros movimentos, semelhantes a um pião (brinquedo de criança) são a precessão de equinócios, em que a cada 25 000 anos, aproximadamente, ocorre na Terra (de leste para oeste) e a nutação, que ocorre a cada 18 anos, aproximadamente, em que a Terra descreve um movimento elíptico.

Só para reforçar, de modo simples, essas diferenças de dia para a noite ocorrem por causa da latitude e dos movimentos da Terra.