Respostas

A melhor resposta!
2014-03-08T16:36:25-03:00
Como qualquer outra revolução a França sofreu por esse período, e a Revolução é um fato economico muito importante pois é apartir dele que as coisas mudam como a Inglaterra teve a revolução deles dos busgueses tentando acabar com o absolutismo, mas essa revolução ficou somente restrita a eles a da França é o contrário... A revolução francesa se espando no mundo ela vai ser uma grande propagadora dos ideais liberais no mundo e nessa revolução que vemos um balizador  da linha do tempo moderna para o contemporâneo você vai encontrar nesta linha 1.700 Revolução francesa... Poderiamos dizer que a França não viveo somente um momento mas sim mais de uma Revolução e você tem diferentes sertores dessa sociedade com interece distintos pois temos uma burguesia com intereces, temos um cidadão comum com intereces e te mos um campones com um interece, e todos eles vão particeipar de certa forma desta revolução com intereces distintos por isso não é uma revolução e sim mais de uma, e sim é correto afirmar que quem conduzio o processo foi a burguesia mas memso assim temos que nos informar dos outros setores dos camponeses por exemplo.... Bom eu espero ter ajudado eu disse algo muitoooo superficial pra você mas espero ter ajudado em grande parte...
1 5 1
2014-03-08T23:29:46-03:00

Esta é uma Resposta Verificada

×
As Respostas verificadas contém informações confiáveis, garantidas por um time de especialistas escolhido a dedo. O Brainly tem milhões de respostas de alta qualidade, todas cuidadosamente moderadas pela nossa comunidade de membros, e respostas verificadas são as melhores de todas.
Prezada Jenifer,

A Revolução Francesa foi um momento ímpar da história da humanidade, na qual uma população questionou a própria estrutura da organização social, derrubou o rei, julgo-o, condenou-o à morte pela guilhotina, assim como à rainha, propondo direitos universais e outras ideias que influenciam a humanidade até hoje.

As causas da Revolução francesa estão atreladas a uma estrutura social no qual a maior parte da população pagava impostos altíssimos sem obter retorno quanto à qualidade de vida, tais como segurança, escolas ou outros serviços públicos. 

Semelhante ao Brasil, no qual a capital se mudou do Rio de Janeiro para Brasília, longe do povo, os nobres (descendentes dos antigos senhores feudais), o clero (os religiosos) e a família real francesa viviam longe de Paris, na opulência no Palácio de Versalhes, no qual a rainha gastava o dinheiro do povo comprando jóias caras e fazendo estranhos desfiles de cabelos em forma de navios, enquanto a população morria de fome em Paris.
 

Ao mesmo tempo, a população que passava a maior parte da vida comendo apenas pão, enfrentou um período de colheitas péssimas, de modo que sequer produtos de trigo havia para comer.
 Indiferentes a isso, os nobres e a família real contribuíram para um aumento da pobreza ao  oferecer dinheiro para que os EUA lutassem pela independência, de modo que a situação ficou ainda pior. 

Além disso, os comerciantes ou burgueses, mesmo ricos, eram tratados com descaso e humilhações por parte dos nobres e da família real, tendo, inclusive, seus bens retirados e forçados a pagar impostos caríssimos, que praticamente levavam quase tudo o que eles tinham. 

Desse modo, tal como ocorre na primavera árabe, a fome e o alto preço dos alimentos, aliado à falta de preocupação governamental, bem como ao desejo dos burgueses em não serem sempre cidadãos de segunda e que pudessem diminuir os impostos altos que lhes eram cobrados, fez com que a maior parte da população atacasse os nobres, as igrejas, bem como apoiassem a declaração universal dos direitos humanos, a qual limitava os poderes dos nobres, reis, e políticos.
 

Portanto, a sociedade francesa se caracterizava com uma grande desigualdade social, pouco interesse dos governantes pelo povo, dentre outros problemas sérios.


Um dos mais eventos mais importantes da revolução foi a queda da Bastilha ou a Tomada da Bastilha foi a invasão da principal prisão francesa pela população revoltada no dia 14 de julho de 1789, no qual a população venceu um dos principais símbolos do poder real, sendo que o dia em que isso ocorreu, a data de 14 de julho ainda é comemorada todos os anos, sendo, mesmo na atualidade, o principal feriado francês.

Recomendo que veja, para complementar a explicação, o vídeo "Revolução francesa history channel", encontrado facilmente no google ou you..tube.

Bons estudos!
1 5 1