Respostas

2013-05-14T14:29:33-03:00

Constituição Civil do Clero é um conjunto de leis aprovadas pela Assembléia Nacional Constituinte Francesa em 12 de Julho de 1790, visando substituir aConcordata de Bolonha, de 1516. Seu objetivo era reorganizar a igreja francesa, transformando os sacerdotes católicos paroquiais em "funcionários públicos eclesiásticos" e foi extinto o Clero Regular. O Clero deixou de ter os privilégios que antes tinha e perdeu todos os direitos feudais. Dos privilégios o mais importante foi a extinção do dízimo (imposto pago por todos ao Clero). Como era de esperar o Papa foi contra e condenou a Constituição Civil do Clero. Também o próprio rei Luís XVInunca aceitou ao pé dele padres que tivessem aceito esta constituição.

Principais Características

Logo depois que os representantes da Revolução se reuniram no Salão de Pela, primeiro período da Revolução Francesa, elaboraram uma constituição. A chamadaRevolução burguesa também culminou nesse conjunto de regras que valiam para o clero, sendo a mais importante que ele seria civil, ou seja, submisso a Revolução. Isto não quer dizer que estes revolucionários tivessem representatividade, uma vez que todo o povo católico (imensa maioria da população) não teve voz ou vez na elaboração destas leis. Além disso, toda uma série de abusos contra a fé católica adveio desta "Constituição". Num destes abusos o Santíssimo Sacramento foi retirado do Sacrário de uma Igreja e no altar Robespierre mandou colocar uma prostituta. Isso sem falar no assassínio ignominioso e injustificado de padres, religiosos e religiosas.

11 4 11
A melhor resposta!
2013-05-14T16:41:27-03:00

Constituição Civil do Clero é um conjunto de leis aprovadas pela Assembléia Nacional Constituinte Francesa em 12 de Julho de 1790, visando substituir a Concordata de Bolonha, de 1516. Seu objetivo era reorganizar a igreja francesa, transformando os sacerdotes católicos paroquiais em "funcionários públicos eclesiásticos" e foi extinto o Clero Regular. O Clero deixou de ter os privilégios que antes tinha e perdeu todos os direitos feudais. Dos privilégios o mais importante foi a extinção do dízimo (imposto pago por todos ao Clero). Como era de esperar o Papa foi contra e condenou a Constituição Civil do Clero. Também o próprio rei Luís XVI nunca aceitou ao pé dele padres que tivessem aceito esta constituição

19 4 19