Respostas

2013-05-15T14:42:06-03:00

Bacteriófago, ou fago, é o nome que se dá ao vírus capaz de infectar bactérias, e também destruí-las. Fagos T, por exemplo, parasitam a Escherichia coli, causadora de enterites, infecções urinárias, dentre outras doenças. 

Formado por cabeça contendo ácido nucleico, cauda, e fibras caudais – todas de origem proteica - o fago adere-se à parede celular destes procariontes, com auxílio de proteínas presentes em sua cauda. Ele perfura esta região e, em seguida, injeta seu DNA, deixando sua cápsula, agora vazia, do lado de fora. 

O DNA viral multiplica-se na célula hospedeira – no caso, a bactéria – provocando a síntese de proteínas virais e, consequentemente, a formação de novos fagos. Estes, após determinado tempo e com auxílio de enzimas específicas, rompem a parede bacteriana, podendo infectar outros indivíduos. Tais etapas compreendem o chamado ciclo lítico. 

Pode ocorrer, também, do bacteriófago se incorporar ao cromossomo da bactéria, passando a ser denominado profago. Lá, se multiplica e divide juntamente com o organismo hospedeiro, criando populações bacterianas inteiras infectadas por fagos inativos, ou temperados. Este é o ciclo lisogênico. 

O fago inativo pode também assumir o controle metabólico da bactéria, ao se desvencilhar do cromossomo bacteriano, iniciando o ciclo lítico.