Respostas

2014-03-31T21:23:45-03:00
O Granito 
Rocha abundante na crosta terrestre - constitui a maior parte do arcabouço dos continentes -, o granito caracteriza-se pela elevada dureza e pela variedade de formas apresentada por sua estrutura. 

Granito é uma rocha de origem magmática, constituída principalmente de quartzo e feldspato alcalino. Contém, em menores quantidades, feldspato calcosódico (ou plagioclásio) e mica. Ocorrem no granito também, com freqüência, a moscovita, a biotita, a hornblenda e mais raramente os piroxênios. De acordo com a presença desses minerais em sua composição, os granitos recebem nomes especiais, como moscovita granito, biotita granito, hornblenda granito etc. Muitos granitos recebem, também, nomes particulares, que se ligam a sua procedência e a aspectos de sua estrutura e textura. 

A cor dos granitos é determinada pela cor dos feldspatos e pelo tom, distribuição e quantidade dos minerais acessórios escuros. Os granitos variam em coloração de vermelho-claro a escuro e de cinza-escuro a quase branco. 

Em comparação com outras rochas intrusivas comuns, e rochas cristalinas em geral, o granito tem baixa densidade. Essa propriedade resulta da quantidade relativamente pequena de minerais máficos (escuros, ferromagnesianos) e do baixo peso específico, tanto do quartzo quanto do feldspato alcalino. 

A maioria dos granitos é rocha granular hipidiomórfica, isto é, a maior parte dos grãos constituintes não possui forma cristalina própria. No entanto, os minerais máficos tendem a possuir forma cristalina própria, enquanto a maior parte dos feldspatos alcalinos apresenta forma cristalina mal definida, com o quartzo ocupando os interstícios irregulares deixados pelos cristais dos minerais anteriores. Outros granitos são porfiríticos, isto é, contêm cristais anormalmente grandes de feldspato alcalino. Em certos microgranitos ocorrem também fenocristais de quartzo. 

Os granitos têm duas diferentes origens. Em parte deles, a rocha se forma em grande profundidade, por lenta cristalização dos minerais, a partir de massa no estado de fusão em alta temperatura - o magma. Em outros casos, a composição granítica resulta da transformação de rocha anterior, geralmente um sedimento, por fenômenos de metamorfismo. Tal processo é conhecido pelo termo genérico de granitização. 

Graças a sua elevada dureza, o granito é utilizado principalmente como pedra para monumentos (escultura), para construção (como revestimento), em blocos de pavimentação e pedra britada.