A triste verdade é que passei as férias no calçadão do Leblon, nos intervalos do novo livro que venho penosamente perpetrando. Estou ficando cobra em calçadão, embora deva confessar que o meu momento calçadônico mais alegre é quando, já no caminho de volta, vislumbro o letreiro do hotel que marca a esquina da rua onde finalmente terminarei o programa-saúde do dia. Sou, digamos, um caminhante resignado. Depois dos 50, a gente fica igual a carro usado, todo o dia tem uma coisa dando errado, é a suspensão, é a embreagem, é o contrafarto do mesocárdio epidítico, a falta de serotorpina folimolecular, é o que os mecânicos e médicos disseram. Aí, para conseguir ir segurando a barra, vou acatando os conselhos. Andar é bom para mim, digo sem muita convicção a meus entediados botões, é bom para todos. João Ubaldo Ribeiro. O Estado de 5. Paulo, 6 ago. 1995.Na frase "Aí, para conseguir ir segurando a barra, vou acatando os conselhos", o aí será corretamente substituído, de acordo com seu sentido no texto, por: Nesse instante. Escolha uma opção:VerdadeiroFalso

1

Respostas

2014-04-10T10:49:07-03:00
A RESPOSTA É ( FALSO)
2 5 2