Respostas

2014-04-15T14:00:15-03:00
A lei seca foi instituída com o fim de coibir a utilização de bebida alcoolica em conjunto com a direção de um veículo. Sabe-se há muitos anos que essa junção é perigosa, mas só recentemente a lei foi instituída no país.

Até a sua aprovação, milhares, ou centenas de milhares foram, nas vias públicas, mortos, atropelados ou tornaram-se fisicamente inválidos devido à irresponsabilidade.

Não é possível proibir completamente essa prática, já que se requer fiscalização, bem como locais suficientes para prisão dos infratores.

Segundo a lei é crime consumir qualquer bebida alcoolica e dirigir. Aquele que o faz é responsabilizado pelo crime doloso, que é aquele que têm de propósito causar acidente.

É incontestável que houve avanços grandiosos. Muitos ao beberem fazem uso do transporte público, taxi, ou deixam um habilitado que não bebeu dirigir. Discute-se no país, em adição à lei seca, a proposta de o infrator indenizar o acidentado, proporcional ao dano causado. De custas médicas a até a pensão em caso de morte.

À parte da lei, convém a conscientização: correr esse risco de beber e depois dirigir arruína a vida do próximo e a sua própria.  Ninguém deseja sofrer dano, então porquê o fazê-lo? Isso significa colocar-se no lugar do outro, e, acontecendo isso em massa, dificilmente se terá notícias daqueles que bebem e dirigem serem causadores de acidentes.