Respostas

A melhor resposta!
2014-05-03T16:03:26-03:00
Em meio a tantos filmes que mostram a visão dos judeus ou de todo o mundo sobre o nazismo, “A queda – As últimas horas de Hitler” expõe o lado alemão. Além de apontar o já conhecido nacionalismo exagerado, que levou até mesmo crianças a participarem da Guerra, a trama tem, como destaque, as cenas de suicídio, do desespero que o antecede, das conversas e planejamentos sobre esse e a tristeza – existente, mas não muito demonstrada – dos que estavam ao redor. É interessante e revoltante ver que as pessoas atreladas ao fascismo alemão preferiam se matar a se render. Além disso, é notório o desconhecimento de alguns sobre todas as mortes que aconteceram por mando do “Führer”, como é o caso da própria secretária Traudl Junge (Alexandra Maria Lara), responsável por narrar o que deu origem ao longa.
3 5 3