Respostas

2014-05-04T19:40:04-03:00
Aristóteles define a questão da substância como a unidade indivisível de matéria e forma, do particular e universal, de potênciae ato. A substância de é a primeira coisa que se aprende, porque ela estápresente em todos os entes e consiste naquilo que é comum em todos eles. Considerando uma outra substância, da unidade e ciênciaprimeira, ela é eterna, pura, imóvel e imutável. Caso contrário, por hipótese, ela fosse corruptível, todas as demais substâncias seriam necessariamente corruptíveis. Mas considerando que as características de tempo e movimento são eternas, incorruptíveis e têm essênciana substância, entãodeve existir tal substânciaprimeira, que possa dar caráter de unidade. Essa substância não possui potência, dado que se encontra eternamente como ato. Ela, porém move outras substâncias por atração a ela. Se não o fosse, não seria imóvel e incorruptível. Ésupremo o conhecer dessa substância e por isso a Metafísica, responsável por tal estudo, é superior. Mas dado que existe umaoutra substância, imóvel, e que provoca a atração de outras substâncias, esta é afilosofia primeira: “(...) se não existisse outra substância além das que constituem a natureza, a física seriaa ciência primeira; se, ao contrário, existe uma substânciaimóvel, a ciência primeira, a ciência desta seráanterior (às outras) e será filosofia primeira.”