Associe a ideia de educação ao
pensador(es) correspondente:


Concebem a linguagem não como um meio de conhecimento, mas como um meio
de controle e de ação sobre outrem, uma ferramenta de persuasão




Escolher...
Santo Agostinho
Sócrates
Comênius
Sofistas
Platão
Cícero




Ensinar Tudo a Todos




Escolher...
Santo Agostinho
Sócrates
Comênius
Sofistas
Platão
Cícero




Por meio do diálogo e a maiêutica buscava a verdade




Escolher...
Santo Agostinho
Sócrates
Comênius
Sofistas
Platão
Cícero




Conhecer é ‘relembrar-se’




Escolher...
Santo Agostinho
Sócrates
Comênius
Sofistas
Platão
Cícero




O mérito da virtude está na ação; mas há frequentes que permitem voltar
aos estudos ou, ainda, à atividade do espírito, que sempre nos impede, mesmo no
trabalho, a mantê-los continuadamente. Ora, toda a atividade do espírito tem
por objeto resoluções honestas a tomar sobre coisas que contribuem para a
felicidade, ou às pesquisas científicas. Eis o que se deve observar na primeira
fonte dos nossos deveres. (GADOTTI, 2011, p.45-47).



Escolher...
Santo Agostinho
Sócrates
Comênius
Sofistas
Platão
Cícero




Introduz a razão, o pensamento e os sentidos humanos no debate
teológico, porém afirma que crer que no que estes revelam pode ser um erro,
pois o conhecimento se dá na capacidade de concluir verdades universais e
imutáveis por meio de processos mentais, porém estas só podem advir de Deus.
Escolher... Santo Agostinho Sócrates Comênius Sofistas Platão Cícero

1

Respostas

2014-05-07T02:44:28-03:00
Sofistas: Concebem a linguagem não como um meio de conhecimento, mas como um meio de controle e de ação sobre outrem, uma ferramenta de persuasão 

Comênius: Ensinar Tudo a Todos

Sócrates: Por meio do diálogo e a maiêutica buscava a verdade

Platão: Conhecer é relembrar-se

Cícero: O mérito da virtude está na ação; mas há frequentes que permitem voltar aos estudos ou, ainda, à atividade do espírito, que sempre nos impede, mesmo no trabalho, a mantê-los continuadamente. Ora, toda a atividade do espírito tem por objeto resoluções honestas a tomar sobre coisas que contribuem para a felicidade, ou às pesquisas científicas. Eis o que se deve observar na primeira fonte dos nossos deveres. (GADOTTI, 2011, p.45-47).

Santo Agostinho: Introduz a razão, o pensamento e os sentidos humanos no debate teológico, porém afirma que crer que no que estes revelam pode ser um erro, pois o conhecimento se dá na capacidade de concluir verdades universais e imutáveis por meio de processos mentais, porém estas só podem advir de Deus.
2 5 2