Respostas

2014-05-09T18:02:45-03:00
RESUMO Estudos mostram que a Carta Geographica da Capitania de Minas Geraes, de Caetano Luiz de Miranda, realizada em 1804, apresenta dados insólitos referentes às propriedades e às informações cartográficas que a diferenciam de mapas coevos. As caracterísitcas desse mapa causam perplexidade também pelos dados biográficos do autor, já que este foi um artista, um notável da sociedade do Tejuco (atual Diamantina, sede municipal, MG), funcionário da Intendência Diamantina, mas não um engenheiro militar ou cartógrafo. Recentemente, um estudo sobre o Mappa Topografico e Idrografico da Capitania de Minas Geraes, que não registra o autor nem a data em que foi feito, assinalou a esta representação as mesmas características distintivas da Carta Geographica. A análise qualitativa e a quantitativa da informação geográfica e de elementos cartográficos, empreendida naquele estudo, ensejaram a apresentação da hipótese de que o mapa de Miranda teve como base o do autor desconhecido. Neste trabalho, apresentam-se, então, os resultados das análises que versaram sobre o estudo comparativo entre ambos, com vistas à comprovação da hipót