Oparin, algumas vezes chamado de "Darwin do século XX", não pôde demonstrar a sua teoria, mas seu trabalho foi concluído por outros cientistas em 1953, demonstrando que antes da vida houve uma pré-vida. Segundo essa hipótese, as condições na Terra primitiva favoreciam a ocorrência de reações químicas que transformavam compostos inorgânicos em compostos orgânicos precursores da vida.Oparin imaginou que à alta temperatura do Planeta, a atuação dos raios ultravioleta e a ocorrência de descargas elétricas na atmosfera (relâmpagos) pudessem ter provocado reações químicas entre os elementos anteriormente citados. Essas reações dariam origem a aminoácidos. Oparin concluiu que aminoácidos que eram depositados pelas chuvas não retornavam à atmosfera com o vapor de água e assim permaneciam sobre as rochas quentes. Presumiu também que as moléculas de aminoácidos, sob o estímulo do calor, pudessem combinar-se por ligações peptídicas. Assim surgiriam moléculas maiores... Seriam então as primeiras proteínas a existir.


Com base no texto, conclui-se que Oparin:
(A)defendia a abiogênese ao afirmar que de moléculas inorgânicas surgiram os primeiros seres vivos.(B)não tinha embasamento científico, pois nestas condições ambientais a vida não teria como se manter.(C)conseguiu apresentar as características químicas e físicas do ambiente primitivo que deram origem às primeiras moléculas orgânicas.(D)concluiu que as ligações peptídicas se formam sob o estímulo do calor, logo sem o calor não há proteínas.(E)defende a ideia de que moléculas maiores foram os primeiros seres que habitaram o nosso planeta.

1

Respostas

2014-05-11T16:44:49-03:00
A resposta é alternativa C.
2 4 2