O que é Geografia na visão dos maiores Geografos?

2
É elaborar a visão correta do mundo, pois Nesta visão, fica implícita a necessidade de compreendermos o que é o global e o local, o que é a destruição “criativa” de Joseph Schumpeter e o que Edgar Morin quer dizer quando fala que toda a evolução é um jogo de desorganização e reorganização e que a humanidade vive uma crise sem par em toda sua história.

Respostas

2014-05-13T00:25:30-03:00
E o espaço em que a nossa visao alcança
2014-05-13T02:28:17-03:00
Friedrich Ratzel é considerado precursor da geopolítica e por suas obras, foi denominado como determinista geográfico. Por sua concepção geográfica, suas teorias incluíam a de que o homem era fruto do meio, pelo ponto de vista biológico. Pela época em que viveu (sobretudo no século XIX), influenciado fortemente pelo pensamento darwinista, as sociedades humanas mais aptas subjugariam as menos aptas. Ele também via que o Estado seria constituído como tal, partindo do princípio do espaço vital, que era o espaço ao qual proporcionaria à sociedade organizada, os meios de subsistência. Se necessário, segundo ele, o Estado deveria se expandir para novos territórios, ainda que ocupados por outras sociedades.

A geografia vista por Vidal de La Blache era a de que o ser humano mudava o meio em que vive. Deu também grande importância à história na corrente do pensamento geográfico. Para ele, de grande importância espacial era o recorte regional descritivo. Seu ponto de vista geográfico privilegiou as características descritivas da natureza em uma região.

Por Milton Santos, considerado o maior geógrafo brasileiro, a geografia servia como uma crítica ao sistema capitalista, a abordagem social ao espaço urbano, diversos discursos críticos acerca da globalização, bem como a consideração dos próprios fundamentos geográficos.

A geografia defendida por David Harvey é marxista, crítica, e, este, se voltou a temas urbanos. Também buscou compreender a dinâmica espacial capitalista bem como sua função social. Foi um grande contestador do neoliberalismo iniciado ainda durante o período bipolar.

Para Richard Hartshorne a geografia partiria da singularidade espacial, a diferenciação de cada parte da superfície terrestre, e os meios que a influenciam e a interligam. Ele identificou geograficamente a relação de um espaço com outro como redes ou teias.

Esses foram alguns, mas há muitos, como Josué de Castro, Alexander von Humboldt, Karl Ritter, Aziz Ab Saber, Jurandir Ross, etc.