Respostas

2014-05-13T11:34:49-03:00
É interessante ver que a empresa que domina o mercado de sistemas operacionais em computadores pessoais não tem grande importância nos portáteis. A Microsoft perdeu esse trem.Veja os smartphones, por exemplo. Esta é a estimativa de fatia de mercado mundial do Gartner para sistemas operacionais no segundo trimestre de 2010 (17, 18):O Windows tem 5%.E nos Estados Unidos? Estes são os líderes em fatia de mercado nos Estados Unidos, em julho de 2010:(19) Fonte: comScoreA Microsoft está em quarto lugar (20, 21).Nos tablets a história se repete. Embora o termo "tablet PC" já circule há anos, ironicamente foi no anúncio de um produto da Microsoft em 2001 que o termo se tornou popular (22). Existem muitas explicações para o fracasso do Tablet PC da Microsoft em 2002, mas a maioria das pessoas concorda que o maior problema foi o desejo da empresa de impor o Windows (23).A Apple, por sua vez, apresentou seu tablet iPad em abril, vendendo milhões de unidades nos meses seguintes. Com seu iOS, a Apple definiu claramente o novo significado do tablet. Ela vai vender 10 milhões de iPads neste ano, e as previsões são de 20 milhões em 2011 (24).Os concorrentes estão lutando para se adaptar a essa nova concepção que o público tem dos tablets. O primeiro grupo de concorrentes do iPad é o de sistemas baseados no Android, e logo atrás vem o Windows (25, 26).A situação é essa. A empresa que monopoliza o mercado de sistemas operacionais nos computadores pessoais perdeu a posição dominante nos dispositivos portáteis, que representam o futuro da computação. É certo que a Microsoft vai fazer parte dessa história, e que vai ser uma forte concorrente, mas ela já perdeu a oportunidade de expandir o monopólio de seu sistema operacional na direção dos novos dispositivos que estão atraindo a atenção de todos.Mais adiante vamos falar sobre isso e sobre as possibilidades futuras. Antes, um pouco de história.