Respostas

2014-05-14T14:50:51-03:00
1 - Os países africanos estão em constante guerras civis; dessa forma, não há uma maneira de governo permanente que consiga estabilidade econômica. O conjunto de problemas africanos deve-se a Neocolonização do séc. XIX , conquanto os europeus tenham afirmado como missão civilizadora, o verdadeiro caráter do novo colonialismo estava embasado na necessidade de novos mercados consumidores para os produtor industriais europeus. Ao traçar linhas absurdamente retas sobre o continente Africano, provocou a criação de colonias, mais tarde países, que aglomeravam etnias rivais. Somado a esse erro geohumano, houve a criação de uma elite local pelos europeus, beneficiando apenas uma de diversas etnias, que impôs o poder com ajuda de suas metropolis; não obstante, quando terminou a neocolonização os estados tornaram-se independentes, não houvando, portanto, mais o apoio europeu às elites locais, permitindo que as demais etnias tomassem o poder, levando a África a uma guerra civil interminável. 

2- a Guerra Civil é a fonte dos problemas da africa negra ou subsariana,porquanto a ausência de uma liderança democrática, ou seja, que tenha aceitação de grande parte da população torna os países repletos de ditadores que causam massacres da população para impor seu poder sobre a oposição, esta apresentada em guerrilhas ,que para mostrar sua força militar, provocam genocidios em massa da população civil, dado como exemplo o caso de Ruanda. 
a Fome é uma consequência do instabilidade desses países, não há uma produção em grande escala, nem mesmo um mercado consumidor vasto, a parcela considerada potencial consumidora é a elite, em geral, branca. As guerras criam grandes centros de refugiados que não produzem alimentos no nível necessário.Os negros no resto da África ligam-se a agricultura intinerante, cuja produção é de subsistência; sendo assim, um cenário propício para o alastramento da fome.