O professor está doente. Excesso de trabalho, indisciplina em sala de aula, salário baixo, pressão da direção, violência, demandas de pais de alunos, bombardeio de informações, desgaste físico e, principalmente, a falta de reconhecimento de sua atividade são algumas das causas de estresse, ansiedade e depressão que vêm acometendo os docentes brasileiros. Um dos problemas mais comuns na atividade de educador é a síndrome de burnout . Suas causas estão na ocupação profissional, principalmente entre trabalhadores que lidam diretamente com pessoas e demandas variadas. É comum entre médicos, enfermeiros, policiais e, é claro, professores. Vista como epidemia no meio educacional, essa síndrome não é exclusividade brasileira. Estudos na década de 1980 já apontavam altíssima incidência do problema entre os docentes norte-americanos. Entretanto, por estar sendo estudada há relativamente pouco tempo, ainda é difícil avaliar o desenvolvimento do burnout nas diferentes atuações profissionais. De qualquer maneira, as mudanças sociais das últimas décadas - que, para ficarmos no caso brasileiro, alteraram a cultura e os interesses do alunado, aumentaram a violência nos centros urbanos e diversificaram e intensificaram o acesso à informação - entraram na escola e tornaram-se fatores motivadores de estresse entre os professores. CURI, Fabiano. Professores sob Pressão. Revista Educação in CEPAE - UFG. Disponível em: http://www.cepae.ufg.br/pages/9505 Acesso em: 09/05/2013 (adaptado). A partir da interpretação do cartum e do trecho da notícia, avalie as afirmações abaixo, classificando com (V) para as afirmações Verdadeiras e (F) para as afirmações Falsas. I. ( ) O cartum destaca a série de demandas que se colocam diante do professor de forma dependente e conciliadora. II. ( ) A crítica feita no cartum não tem qualquer relação com o trecho de notícia. III. ( ) A intertextualidade entre o cartum e o texto diz respeito a crescente exigência de formação acadêmica que tem feito com que os professores desistam de dar aula. IV. ( ) O cartum e o texto apontam para os fatores que se acumulam como motivadores de estresse na carreira de professor. V. ( ) A pressão sobre os professores tem crescido ao ponto de desencadear uma doença comum a profissões de alto fator de risco.

1

Respostas

2013-06-20T13:56:35-03:00

                                      I.  ( F ) O cartum destaca a série de demandas que se colocam diante do professor de forma dependente e conciliadora. 

                                 II.    (F  ) A crítica feita no cartum não tem qualquer relação com o trecho de notícia. 

                                III.        (F  ) A intertextualidade entre o cartum e o texto diz respeito a crescente exigência de formação acadêmica que tem feito com que os professores desistam de dar aula.  

                                IV.        ( V ) O cartum e o texto apontam para os fatores que se acumulam como motivadores de estresse na carreira de professor. 

                                 V.        (V  ) A pressão sobre os professores tem crescido ao ponto de desencadear uma doença comum a profissões de alto fator de risco.