"O processo de industrialização da agricultura tem eliminado gradativamente a separação entre a cidade e o campo, entre o rural e o urbano, unificando-os dialeticamente. Isto quer dizer que campo e cidade, cidade e campo formam uma unidade contraditória. Uma unidade onde a diferença entre os setores da atividade econômica (agricultura, pecuária e outros, em um; indústria, o comércio etc., em outro) vai sendo soldada de um lado pela presença na cidade, do trabalhador assalariado ("bóia-fria") do campo". Fonte: OLIVEIRA, Ariovaldo Umbelino de, Agricultura brasileira. Transformações recentes. In ROSS, J. (org.) Geografia do Brasil. São Paulo, EDUSP/FDE, 2000, p.475.Assinale a alternativa que esclarece sobre a relação entre o campo e a cidade serem dois polos de um mesmo conjunto, dirigido pelas demandas da cidade. Ao mesmo tempo em que a cidade absorve a produção realizada no campo e esta seja produzida em função das necessidades criadas na cidade, no campo também se absorve bens industrializados fabricados na cidade, além de serviços gerados.A indústria do campo faz com que não ocorra nenhuma relação de interdependência, o campo e a cidade conseguem a produção de seus produtos isoladamente.O texto esclarece a situação do trabalhador do campo, pois este não precisa obter nenhuma relação com a área urbana.A cidade e o campo formam uma unidade contraditória, pois embora exista uma relação entra estes, o campo dita tudo o que a cidade deve consumir, isto é, a cidade está subordinada ao campo.

1

Respostas

2014-05-17T01:25:39-03:00
Com toda certeza a resposta é; Ao mesmo tempo em que a cidade absorve a produção realizada no campo e esta seja produzida em função das necessidades criadas na cidade, no campo também se absorve bens industrializados fabricados na cidade, além de serviços gerados
2 5 2