Respostas

2014-05-26T22:10:00-03:00
 Este artigo pretende, por meio de pesquisa de campo, bibliográfica geral e jurídica, analisar o processo educacional de alunos da zona rural de uma escola de rede municipal de ensino. Serão consideradas teorias da Psicologia Humanista de Maslow e da Psicologia da Gestalt, a respeito das necessidades individuais, e discutidos preceitos jurídicos, dispostos, principalmente, no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). Deve-se considerar que as discussões serão pautadas na exigência da existência de um tratamento digno a ser dispensado a crianças e adolescentes. Os dados de identificação da escola e dos alunos serão preservados, uma vez que o que se pretende é estudar o fenômeno, e não expor nenhuma instituição ou menores, sendo que a exposição destes últimos é vedada pelo próprio Estatuto da Criança e do Adolescente, inclusive.*Palavras-Chave: Estatuto da Criança e do Adolescente. Necessidades. Alunos. Zona Rural. Dignidade da Pessoa Humana.
3 3 3