O esquema a seguir apresenta uma prensa hidráulica composta de dois reservatórios cilíndricos de raios R1 e R2. Os êmbolos dessa prensa são extremamente leves e podem mover-se praticamente sem atrito e perfeitamente ajustados a seus respectivos cilindros. O fluido que enche os reservatórios da prensa é de baixa densidade e pode ser considerado incompressível. Quando em equilibro, a força F2 suportada pelo embolo maior é 100 vezes superior a força F1, suportada pelo menor. Assim, a razão R2/R1 entre os raios dos êmbolos vale, aproximadamente:

1

Respostas

2014-05-31T12:36:56-03:00
F2 = 100 F1

Área = π R²


F1 / π (R1)² = F2 /  π (R2)²


substituindo ... Quando vale F2


F1 / π (R1)² =  100 F1 / π (R2)² 

 \frac{1}{ \(R1^2} =  \frac{100}{R2^2}

MULTIPLICA EM CRUZ

 \frac{R2^2}{ \(R1^2} =  100

 (\frac{R2}{ \(R1} )^2=  100

TIRA A RAIZ DE AMBOS OS LADOS

  \sqrt{(\frac{R2}{ \(R1} )^2} =   \sqrt{100}


 \frac{R2}{R1}  = 10






3 4 3