Respostas

2014-06-06T16:05:10-03:00
Simples equação de 2º grau amigão!

Δ= b^{2} -4.a.c
Δ= 3^{2} -4.4.(-10)
Δ=9+160
Δ=169

-------- Aplicando Bhaskara --------------
x= -b +- \sqrt{delta}/2.a
x= -3 +-  \sqrt{169} /2.a
x1= -3 + 13/8 = 10/8 = 5/4

x2 = -3 -13/8 = -16/8 = -2

Portanto, o par ordenado é (-2, 5/4)
a) (-1,3)
b) ( 1,2)
c) ( 2,1)
d)( 0,3)
e) ( -1,2)
Verdade meu amigo, confesso que não li direito. Não havia reparado no y.
Avallon ,onde foi que viu o expoente 2 para afirmar ser do 2º grau?
É verdade Heberwagner. Foi um grande vacilo, não li direito.
Ok amigo...acontece
2014-06-06T16:12:25-03:00
Como é um binônio de 1º grau, terá que transformar em uma função de 1º graus da forma y = ax + b, para a≠0:
4x+3y-10=0 => 3y = 10 - 4x => y = (10 - 4x)/3, p/ y = 0:
(10 - 4x)/3 = 0 => 10 - 4x = 0 => 4x = 10 => x = 5/2.
O par ordenado para a equação ser verdadeira é (5/2; 0)
P R O V A:  
0 = [10 - 4(5/2)]/3 => 0 = 10 - 4(5/2) => 10 = (4.5)/2 => 10 = 20/2 => 10 = 10