Respostas

2014-06-07T22:06:20-03:00
A historiografia sobre a África, ainda que em bom número, tem pouca contribuição de historiadores africanos. Os poucos que trabalham nesse sentido foram formados em universidades européias, tendo herdado uma tradição que os fazem ver a história de seus países de fora para dentro. A cultura africana é sem dúvida propagada muito mais oralmente. Recentemente a historiografia africana tem sido revista, e a diversidade cultural tem dado espaço à sobriedade dos relatos em torno da escravidão, pobreza e unidade que rondam o vasto continente africano
2014-06-08T00:56:07-03:00
  Apesar da África ser um país relativamente pobre, possui grandes riquezas. A cidade de Tomboctu, na África, destacou-se como um importante centro cultural do continente africano, onde existe amplas bibliotecas, a cidade foi declarada patrimônio mundial da Unesco. 
  Gana, foi o primeiro grande reino, foi muito tempo conhecida como a Costa do Ouro, pela quantidade de jazidas e minerais preciosos. Atualmente o auge é a exportação de madeira, cacau, assim como o sal que é extraído das salinas ou jazidas no deserto. O ouro ainda é uma atividade econômica da região. Outros impérios bem relevantes também, são; o Império de Mali, o Reino de Congo, o Reino de Benin.