Minha Rua A rua é pequena, meio torta, o carro passa rápido, as
Minha Rua

A rua é pequena,
meio torta,
o carro passa rápido,
as casas ficam quietas,
janelas nem piscam.

Ninguém joga bola na rua,
nem pula corda, esconde-esconde,
bicicleta, nem pensar.

Outro dia nasceu uma flor na calçada,
fiquei olhando até enjoar.
Depois a flor secou, esqueci.

Se o robô atravessasse a rua,
quem notaria? E, se a princesa
cantasse na esquina, quem ouviria?
Se o ET fizesse xixi no poste?

Às vezes, de manhã bem cedo,
vem um bando de passarinhos
na maior algazarra.Parece banda de rock, anunciando o Dia.
Nessa hora, meu coração não cabe no peito


2- Apesar de ter movimento de carros, o que o poeta lamenta que não existe em sua rua?

1
Me Ajudemm Por Favor!!!!

Respostas

2014-06-08T19:08:25-03:00
O eu lírico lamenta q ninguém mais "passa" pelas ruas pois as pessoas vivem infurnadas dentro de casa , a rua está sem "vida", ou seja, não tem movimento que antes se tinha já que com os avanços tecnológicos as pessoas passam a maior parte do tempo vivendo as suas vidas dentro de "muralhas".
4 2 4