Respostas

2014-06-09T20:35:38-03:00
Ambos ansiavam a reforma religiosa. Viviam num momento em que a palavra da Igreja Católica era lei. Discordar dela significava a morte. Ambos não aceitavam o enriquecimento do clero, o poder papal sobre a política, a venda de indulgências, e ele estimulava o conhecimento da Bíblia devia ser extendido à população comum.