1. Em artigo publicado na revista Nature (27/9/2007), os cientistas James Lovelock e Chris Rapley propõem, como ação contra o aquecimento global, a instalação de tubos nos oceanos a fim de bombear, para a superfície, a água que está entre 100 e 200 metros de profundidade. A água bombeada, rica em nutrientes, funcionaria como “fertilizante” na superfície oceânica.

a) De que maneira essa medida poderia colaborar para a redução do aquecimento global?

b) Espera-se também que a produtividade da pesca aumente nos locais em que a água do fundo for bombeada para a superfície. Como esse procedimento poderia provocar o aumento na quantidade de peixes?

1

Respostas

A melhor resposta!
2014-06-11T13:45:35-03:00
Eu acho que:

a) Isso colaboraria com a diminuição do aquecimento global, devido à fotossíntese.
Explicando melhor: Sabemos que os "pulmões" do planeta na verdade são os oceanos, pois a maior parte da fotossíntese realizada na Terra provêm do fitoplâncton (algas) que ficam na superfície. A fotossíntese colabora com a redução do aquecimento global, pois retira da atmosfera CO2 (gás carbônico) e devolve O2 (oxigênio). Então, se a água bombardeada do fundo para a superfície é rica em nutrientes, isso fará com que ocorra um aumento do fitoplâncton, aumentando o número de algas fotossintetizantes.

b) É o mesmo que ocorre no item anterior. Com o aumento de nutrientes na superfície dos oceanos, ocorrerá consequentemente um aumento na quantidade de algas. Esse aumento na quantidade de algas atraíra predadores que se alimentam delas, no caso, os peixes. 
5 4 5