Respostas

A melhor resposta!
2014-06-28T22:33:24-03:00
Seculo 16 - marca a chegada dos portugueses ao Brasil, nesse periodo não havia muito interesse no territorio brasileiro, mas a partir de 1532, iniciou se a exploração do pau brasil, utilizada para tingir roupas na europa. O pau brasil era retirado pelos indios e trocado por instrumentos como espelhos e bebidas. Com o crescimento da produção de cana de açucar no mundo, iniciou se tambem a plantação de cana de açucar no litoral. Assim a exploração economica era de pau-Brasil e cana de açucar.
Seculo 17 - Foi marcado pelo tráfico de escravos, que eram trazidos para trabalho escravo no Brasil. Nesse periodo intensificou-se a produção de cana de açucar, e começou a crescer a pecuaria devido ao aumento da populaçao (colonos).
Seculo 18 - Surge o ciclo da mineração. Devido a descoberta de pedras preciosas pelos bandeirantes em diversas regioes do Brasil, inicia-se a exploração de ouro, diamante e esmeralda, especialmente no estado de minas gerais. Como havia muitas jazidas minerais, a mineração passou a ser a base da economia brasileira.
Seculo 19 - Começa a fase imperial do Brasil, marcado pelo liberalismo economico. O brasil começa a investir na exportação de diversos materiais: tecidos, vinhos, etc. O pais começa a industrializar-se e criar fabricas de fundição de metais, alimentos e tecelagem. A agricultura tambem começa a crescer cada vez mais, com a exportação de cacau, açucar, café e outros produtos. E a partir do século 19 que acontece o boom na produção de café. Nesse periodo o Brasil começa se firmar no cenario mundial, fazendo exportaçoes e importaçoes. Surgem tambem impostos relacionados a produção. 

Espero ter ajudado.
1 5 1
2014-06-28T22:42:41-03:00
Nos séculos XV e XVI, Portugal era um reino ibérico com somente um milhão de habitantes, cercado pelo Oceano Atlântico e por uma Casa de Castela hostil na retaguarda. Depois de anos de luta contra a ocupação moura, os portugueses voltaram sua atenção e energia para o mar e o que viesse d'além mar. Enquanto os espanhóis partiram em busca de uma rota para o Oriente, viajando em direção ao oeste, os portugueses optaram pela chamada "Rota do Sul", ao longo da costa africana. Alcançado o Cabo da Boa Esperança, em 1487, os portugueses foram dirigidos pelo navegador Vasco da Gama, através do Oceano Índico, para descobrir a rota marítima para o longínquo Oriente, em 1497. Eles já sabiam da existência de terras através do Atlântico e haviam feito algumas expedições a oeste antes da descoberta das Antilhas, por Colombo, em 1492. Guardaram esse conhecimento em segredo, entretanto, de maneira a evitar a ambição da Espanha, Inglaterra e França. Para uma nação pequena, o segredo era o único método disponível para salvaguardar as recompensas das explorações corajosas e bem-sucedidas da ambição de rivais marítimos mais poderosos.O Tratado de Tordesilhas (1494) definiu a questão da posse das novas terras entre Espanha e Portugal. Foi feito um acordo no qual os territórios compreendidos a leste de um meridiano situado 370 léguas a oeste das Ilhas de Cabo Verde pertenceriam a Portugal, enquanto as terras localizadas a oeste dessa linha ficariam com a Espanha. Tal linha imaginária, de pólo a pólo, atravessou a parte oriental da América do Sul e constituiu a primeira fronteira do Brasil, embora a descoberta formal, por Pedro Álvares Cabral, só tenha acontecido seis anos mais tarde, em 1500. A descoberta do ouro foi a mais importante conseqüência das expedições que partiram de São Paulo para o interior. A corrida ao ouro atraiu milhares de pessoas provenientes das plantações do litoral, além de novas levas de imigrações de Portugal. Outras conseqüências foram o crescimento da criação de gado no interior, para prover carne e couro para os centros de mineração, e o surgimento de novas cidades no que é hoje o estado de Minas Gerais. Ao todo, aproximadamente 1.000 toneladas de ouro e 3 milhões de quilates de diamantes foram extraídos da região entre 1700 e 1800. A crescente extração de ouro no Brasil trouxe um ciclo de desenvolvimento importante, que influenciou o curso dos acontecimentos não só na Colônia como na Europa.Embora o ouro fosse controlado por Portugal e embarcado para Lisboa, ele não permanecia lá. A Inglaterra, de acordo com o Tratado de Methuen, de 1703, supria Portugal com produtos têxteis, que eram pagos com o ouro das minas brasileiras. O ouro brasileiro que ia para Londres ajudou a financiar a Revolução Industrial.Os produtos ingleses dominaram o mercado brasileiro, acabando com qualquer chance de competição e desencorajando qualquer atividade industrial no Brasil. 

Brasil em Resumo - História