SOCORRO MINHA PROF COLOCOU UM DEVE ASSIM:
"Não existe nenhum número inteiro maior que 2 que satisfaça o seguinte: x^n + y^n = z^n."

E ELA DISSE QUE EU TENHO QUE RESOLVER
SENDO QUE:
Quando "n = 1", por exemplo, é uma continha aritimética normal: x + y = z, como 2 + 2 = 4.
Quando "n = 2", por exemplo, é o famoso teorema de pitágoras: x² + y² = z², como 2² + 3² = 5².

Agora quando n=3, ou 4, ou 5, ou 6.... ou qualquer outro número inteiro,

2
Peraê, o que mais exatamente ela disse que era pra ser feito na tarefa?

Respostas

A melhor resposta!
2014-06-28T22:18:15-03:00
X³+y³=z³ -> 2³ + 3³ = z³ -> 8+27=z³ -> 36 = z³ = raiz cúbica de 36 = 3,3
x^4 + y^4 = z^4 -> 2^4 + 2^4 = z^4 -> 36=z^4 = raiz quarta de 36 = 2,45
z^5+y^5=z^5 -> 2^5+2^5 = z^5 ->2^5+2^5=z^5 -> 72=z^5 = raiz quinta de 72 = 2,35
2 5 2
2014-06-28T23:28:11-03:00
Esse é o famoso o ultimo teorema Fermat provado em caso particular por andrew willes
Tava aqui pensando, será que essa professora realmente pediu pra que ela provasse isso daí? Precisou de quantos anos pra ser provado, tu sabes?
se pediu meu caro foi pra fazer graça pq nem a professora msm sabe
Com certeza :P