Respostas

2014-07-09T17:17:38-03:00
A Holanda recebia o açúcar brasileiro para refinamento. Uma vez que seu recebimento foi impedido pela Espanha (na época metrópole do Brasil pela União Ibérica), os holandeses vieram até o Brasil em busca de açúcar. Primeiro vieram à Bahia, pensando em conquistar a capital Salvador mesmo após a resistência dos baianos. No entanto, não duraram mais do que um ano e deixaram o lugar.
Mas, posteriormente em 1630, invadiram Pernambuco, o maior centro produtor de açúcar na época. À primeira vista houve disputas entre pernambucanos e holandeses, mas logo depois os estrangeiros prestaram favores aos moradores e assim ganharam sua simpatia, ali se estabelecendo por mais três décadas. Após iniciar uma guerra que envolvia Portugal e Holanda, precisavam de dinheiro para investir nela, e tiveram de cobrar os favores (como empréstimos, venda de escravos mais barata) de volta e assim os pernambucanos ficaram do lado dos seus colonizadores, os portugueses, para se livrarem de suas dívidas.
Quando a Holanda deixou o Brasil, no entanto, eles aprenderam também a produzir o açúcar, algo que não sabiam. Mas o pernambucano não aprendeu a refinar com o holandês, causando assim uma grande crise açucareira que afetou toda a economia brasileira, agora que possuia um enorme concorrente na área do açúcar (que podia produzir e refinar).

Para características mais detalhadas, o link a seguir pode ajudar: http://www.historiabrasileira.com/brasil-colonia/brasil-holandes/

Espero ter ajudado! :)
1 5 1