Respostas

2013-07-25T13:51:10-03:00
Podemos constatar que infelizmente, nos dias atuais, estamos vivendo um verdadeiro retrocesso em relação à violência no esporte. Esta violência ocorre dentro e fora dos estágios: violência entre torcedores que não sabem respeitar as pessoas que torcem pra outro time. E a violência que ocorre entre os próprios jogadores, que fazem o anti jogo, agredindo o colega de profissão. A causa dessa violência está diretamente relacionada à falta de educação das pessoas que saem de suas casas com o intuito de praticar a violência como se os jogos fossem verdadeiras guerras. Em relação aos jogadores que partem para agressão o motivo é o mesmo aliado ao fato de não saberem perder. Considerando, como fato concreto, que o esporte mobiliza multidões, é motivante, é uma paixão nacional, resgatar o esporte como instrumento educativo e isso é função primeira da escola e, conseqüentemente, dos educadores. Visto que as famílias não conseguem mais educar seus filhos desde pequenos. Sabemos com certeza, que a infância seria o melhor momento para que os verdadeiros valores da vida fossem identificados e valorizados por todos. Por outro lado, o esporte brasileiro deveria ser encarado com mais profissionalismo pelas suas instituições organizativas, uma vez que milhões de pessoas estão envolvidas e os jogadores, como protagonistas desse espetáculo devem ter a consciência de que exercem importância muito grande na vida de várias crianças, posto que são considerados ídolos e "espelho" para elas. 
Não restam dúvidas de que a violência está caracterizada como parte intensa das camadas de toda a sociedade e de que as causas políticas e sociais têm suas parcelas de culpa por tudo que vem ocorrendo nos meio esportivo. Com isso, cabe às autoridades públicas e a toda a sociedade contribuirem para manter o controle dentro dos estádios e também proporcionar o deslocamento dos jovens torcedores arroaceiros para outros movimentos de lazer.
11 3 11