Respostas

A melhor resposta!
2014-07-16T10:56:01-03:00
Astecas eram certos grupos étnicos da região central do atual México, em particular os grupos que falavam a língua náuatle e que dominaram grande parte da Mesoamérica entre os séculos XIV e XVI.
1 5 1
A religião asteca era um mistura de elementos (crenças e tradições) de diversos povos antigos mesoamericanos.
As danças, músicas e cantos astecas eram realizados em diversas atividades de caráter religioso como, por exemplo, casamentos, funerais e sacrifícios.
Os astecas tinham diversos mitos nos quais explicavam a origem dos deuses, dos homens e dos fenômenos da natureza.
Viveram na região sul do atual México
2014-07-16T10:57:49-03:00
Quem foram- Entre os anos 1325 e 1521, durante a América pré-colombiana, os povos astecas se destacaram, sendo os mais poderosos e desenvolvidos. Viveram na América do Norte, mais precisamente no território que corresponde ao México. Eram originários de uma região dos Estados Unidos onde viviam os nômades.
quais suas culturas-
A sociedade era extremamente dividida, em: escravos, maceualli (ou calpulli), artesãos e comerciantes, pochtecas, sacerdotes e dignitários civis e militares. Ou, de forma mais fácil: escravos, comerciantes, guerreiros, sacerdotes e nobres.Como um povo bem desenvolvido, deveriam se destacar em algumas coisas. E no caso dos astecas, a medicina  era destaque. Apresentava-se como teoricamente estruturada, com formação específica e relativo conhecimento da anatomia.Eram originários de povos mesoamericanos, dos quais os Chichimecas se destacavam, pois com a queda dos Toltecas, conseguiram dar origem aos astecas.O seu governo era uma monarquia, o conselho do imperador deveria eleger seu sucessor, que deveria pertencer aos membros da linhagem governante (chamada de Casa Real).Construíram grandes templos, pirâmides cheias de escadas, ruas pavimentadas e grandes arcos de pedras.Desenvolveram uma escrita muito complicada e um calendário baseado no ano solar de 365 dias. Possuíam conhecimento de astronomia que deixaram os cientistas modernos espantados.
1 5 1