Respostas

2014-07-17T19:41:05-03:00
Uma característica básica da civilização egípcia foi seu aspecto altamente místico, que ajudava a preservar o poder do faraó, identificado com a própria divindade. Os egípcios eram politeístas, e somente no período da fracassada reforma religiosa de Amenófis IV tornaram-se monoteístas. O deus de cada nomes era considerado uma divindade suprema, estando sua origem ligada ao culto totêmico dos antepassados tribais. A unificação do país acabou levando a uma hierarquização das divindades
1 4 1