Respostas

2014-07-23T12:03:03-03:00
Os Sais Minerais constituem 5 a 6% do corpo humano, sempre em quantidade variável, embora certos macroelementos como o cálcio, o ferro, o magnésio, o sódio e o potássio, o fósforo, se encontrem em quantidades mais significativas, e todos eles regulem a química do nosso organismo. 

Outros minerais denominados oligoelementos encontram-se presentes no organismo em pequeníssimas quantidades; é o caso do arsénico, do boro, do bromo, do cádmio, do cromo, do fluór, do selénio, do manganês, do enxofre e do zinco. 

O nosso organismo necessita dos macroelementos em quantidades consideráveis, enquanto os outros chamados «traços» são indispensáveis em quantidades infinitesimais. Uma alimentação equilibrada cobre as nossas necessidades de minerais. 

Os sais minerais desempenham funções muito importantes no nosso organismo. Um atleta necessita por dia de alguns gramas de potássio, sódio, cálcio e cloro; miligramas de ferro e magnésio; micogramas de cobre, zinco, cobalto, fluor, iodo e manganésio. As necessidades do atleta em sais minerais são em alguns casos, superiores às de um indivíduo sedentário. No entanto, uma alimentação rica e diversificada possui geralmente as quantidades de sais minerais necessárias. Quando a carga competitiva é grande e o treino intenso, há um aumento das perdas de água e sais minerais, devendo haver um aumento da sua ingestão através de águas minerais, lacticínios, frutos secos, vegetais, frutos frescos e sumos naturais.