O poema de pablo neruda, em quase todos os versos, aproxima realidades opostas, como amar/ não amar, palavra/silêncio, fogo/frio.a) o que essas oposições revelam em relação aos sentimentos do eu lírico?b) o último verso, entretanto, em vez de apresentar dois elementos em oposição, apresenta dois elementos de valor equivalente: "e por isso te amo quando te amo". Como você interpreta esse verso?

0

Respostas