Respostas

2016-08-25T16:27:06-03:00
O calcário (Ca²Mg²CO⁶ e CaMgCO⁶) é uma rocha sedimentar popularmente conhecida como "cal". É muito utilizado na agricultura para diversas finalidades, seja na agricultura, seja na indústria, seja no tratamento de resíduos poluentes. E pode ser obtido de várias origens, podendo ser quimiogênicas ou biogênicas.

O Cálcio, elemento diferenciador do calcário, é o quinto elemento em ordem de abundância na crosta deste Planeta, não sendo, por isso, objeto de escassez. Os depósitos exploráveis de calcário são encontrados no leito dos mares, de lagos e rios, bem como em cavernas no subsolo. E pode ser classificado em oito tipos: marga, caliche, tufo, conquífero, giz, travertino, dolomito e recifal. Porém o calcário não é a única fonte de Ca⁺⁺ para uso agrícola. 

A cal é um material aglutinador, sendo, devido a isso, utilizado para estabilizar solos pela sua ação pozolânica, que permite, assim, estabilizar as argilas expansivas evitando a sua substituição. Outrossim, a cal é utilizada principalmente para reduzir a plasticidade, a retenção de umidade e o inchamento dos solos argilosos, promovendo a sua estabilidade. Efetivamente a adição de cal a um solo argiloso promove uma reação pozolânica pela qual, a cal, reagindo com os silicatos e aluminatos solubilizados presentes no terreno argiloso, os transforma em silicatos e aluminatos de cálcio hidratados e estáveis. Esta reação desenrola-se durante muito tempo desde que haja cal suficiente e o pH se mantenha alcalino, superior a 10.

Mas, principalmente, a cal é utilizada para regular o pH do solo devido a sua ação alcalinizante e para repor o (Ca) e o (Mg) do solo, macronutrientes imprescindíveis à produção agrícola. Na proporção adequada, melhorando o crescimento das raízes e incrementando a atividade bio-nitrificadora, bem como intensificando a disponibilidade de (Mb) e outros nutrientes no solo e amenizando a toxicidade do (Al), (Cu) e (Mn).
18 4 18