Respostas

2014-08-27T13:21:16-03:00
In the Tepidarium, pintado por Alma-Tadema, 1881. O Tepidarium era usado depois do frigidarium. O banhista que desejava atravessar para o banho quente, entrava no processo de transpiração no tepidarium. Esta câmara não possuia banheiras. Era uma sala agradavél, aquecida com ar quente, a fim de preparar o corpo para os banhos quentes, e ao retornar evitar uma mudança brusca de temperatura para o ar livre.
Assim, os romanos elevaram o ato de tomar de banho a status de ritual artístico, e seus Thermae refletiam esses avanços fisicamente. O Thermae romano incluía um ritual muito mais complexo do que um processo de simples imersão ou transpiração. As diferentes etapas do banho-ritual (despir-se, banhar-se, transpirar, receber massagem e descansar) tornavam necessária a construção de câmaras separadas por funções para cada etapa do banho.