Fazer uso da música como mera ilustração do conteúdo pode ser algo ultrapassado, pois não promove o pensamento crítico do aluno, nem o leva a se interrogar sobre sua historicidade, já que o mesmo está condicionado a olhar as canções como alegorias ilustrativas e até mesmo desprezá-las, pois o mesmo não sabe "pensar a canção" e sim escutá-la e, na maioria das vezes, desvinculada de seu período histórico. Sobre a utilização da música como fonte histórica, podemos afirmar:ALTERNATIVASA música consiste em uma fonte inesgotável de recursos para o estudo da História, não precisando o professor recorrer a outros recursos didáticos.A música não pode ser desvinculada do seu contexto histórico, pensar a canção é, acima de tudo, refletirmos sobre as intenções do compositor e contribuir com a formação do senso crítico.Entender a música é um exercício suficiente para se compreender toda a História que se quer ensinar. Escutá-la, no sentido de ilustrar a aula consiste em uma prática pedagógica coerente.O sentido de pensar a canção não pode ser aplicada efetivamente, pois pode caracterizar uma falta de respeito as diversidades culturais existentes em uma determinada região.

1

Respostas

2014-08-30T12:30:33-03:00
Fazer uso da musica apenas por utilizar sem estar dentro de um contexto não seria nada interessante até os alunos não se motivariam, mas a musica como auxilio a alguma materia direcionada é surpreendente seu efeito.
Em uma aula de história qual vc esteja trabalhando a ditadura mulitar por exemplo usar músicas dentro do contexto histórico pois se escolher as músicas certas sua aula será muito apreciada, lembro-me do meu professor "traduzindo" o que Roberto e Erasmo Carlos diziam intrinsecamente na música para Caetano, em debaixo dos caracóis dos seus cabelos....choramos 40 alunos estáticos ouvindo a cação....isso sem contar outras que podem ser trabalhada, claro que dentro do contexto estudado.