Quando um segurado do INSS sofre uma doença que o incapacite temporariamente para o trabalho, tem-se que o mesmo poderá ser afastado das suas funções e o INSS passará a pagar o seguro, deixando assim o empregador daquele de ter que fazer o pagamento mensal do salário. Analise as alternativas e aponte a partir de quantos dias de atestado é que, regra geral (ou seja, excluindo as exceções, como é o caso dos domésticos), o segurado poderá pleitear o recebimento do auxílio-doença junto ao INSS:

1

Respostas

2014-09-04T13:18:42-03:00