O resumo extraído da Scielo Brasil intitulado Entre o projeto de modernidade e a efetivação da democracia: marcas deixadas na construção da vida social brasileira, de Giselle Silva Soares, constitui-se de uma estrutura que o inclui nos gêneros da esfera acadêmica. O resumo é marcado pela concisão, clareza e objetividade. O tema escolhido foi democracia, contudo, a seleção da abordagem para o desenvolvimento dos períodos secundários também é de extrema importância para coerência deste texto. Leia o resumo e identifique a abordagem utilizada pela autora, justificando a sua pertinência.


RESUMO
O presente artigo retoma algumas interpretações sobre o projeto de modernidade, aproximando-as de alguns elementos da formação social brasileira, considerando sua estreita relação para a afirmação e valorização da democracia no Brasil. Além disso, destacam-se interpretações sobre o processo de redemocratização da sociedade brasileira que ressalta a importância da prática dos movimentos sociais para a validação desse processo.


Fonte: SOARES, Giselle Silva. Entre o projeto de modernidade e a efetivação da democracia: marcas deixadas na construção da vida social brasileira. Serv. Soc. Soc. no.109
Abordagens:

Social
Política
Econômica

Cultural
Psicológica
Linguística

2
onde está a resposta?
objetividade
qual a resposta?
Isso mesmo, Objetividade!!

Respostas

2014-09-11T08:48:11-03:00
Social,politica e econômica, justificativa da resposta: pois é citado em alguns trechos do texto
6 3 6
2014-09-11T10:36:53-03:00
A modernidade no Brasil e os princípios democráticos se processaram apoiados em bases patriarcais e conservadoras, comprometendo a prática dos movimentos sociais formadas no cenário sociopolítico brasileiro. Desta forma, a ideologia liberal que respalda a concepção da democracia moderna não se efetivou na sociedade brasileira em virtude da prevalência dos direitos como privilégio ao longo de várias décadas.A redemocratização da sociedade permitiu que novos elementos ocupassem o cenário sociopolítico brasileiro no sentido da ampliação e da garantia dos direitos, embora tenham sido adequados às características socioculturais anteriormente instituídas na vida social.No entanto, a garantia de direitos e o exercício de cidadania se vinculam ao processo de participação popular, bem como à validação dos princípios democráticos. Associa-se a isso a necessidade de a prática dos movimentos sociais se configurarem como ações políticas.Movimentos e lideranças sociais buscam formas para estreitar e intensificar o diálogo com o poder público com o intuito de acompanhar a forma democrática de governar.Cabe ressaltar que o exercício dessa ação política permite a formação e o fortalecimento de sujeitos sociais, ou seja, de cidadãos-sujeitos que se preparam e se apropriam de um conjunto de conhecimentos, de discurso técnico e reforçam o processo e a realização da participação popular, ao mesmo tempo que esbarram constantemente no movimento contraditório das bases constituintes da sociedade brasileira.Enfim, as concepções e os argumentos trabalhados neste artigo reforçam a necessidade da inversão de direção no processo de consolidação e efetivação dos princípios democráticos na sociedade brasileira a fim de constituir e afirmar os espaços públicos de participação popular, bem como o direcionamento da sociedade brasileira na perspectiva do bem comum. 
11 4 11
A concepção de modernidade associa-se ao modelo sócio-histórico europeu, resultante do esgotamento da ordem social, política e econômica e da revolução burguesa. Na realidade social brasileira, o projeto europeu foi transplantado (SODRÉ, 1981), configurando-se em um projeto de modernidade com traços avançados e conservadores, entre os quais podemos considerar as inúmeras dificuldades para as manifestações e mobilizações populares.
O tema deste artigo tem ligação com a prática dos moviment
qual a resposta dessa pergunta Jefferson?
objetividade