Respostas

2013-08-21T21:57:33-03:00
Uma das pérolas da sensibilidade de Toquinho é, sem dúvida, a parte de sua obra que abrange o mundo da criança. Hoje, adultos com mais de trinta anos cantam com seus filhos as canções que cantavam, ainda crianças, durante a década de 1980, quando surgiram os quatro trabalhos originais de Toquinho visando o público infantil.

Tudo começou quando, estimulado por Vinicius de Moraes, resolveu musicar alguns poemas do livro do poeta, "Arca de Noé". Dois discos resultaram desse trabalho: “Arca de Noé” e “Arca de Noé 2”, lançados pela gravadora Ariola, em 1980 e 1981, respectivamente. No disco “Arca de Noé” foram incluídas as composições de Toquinho e Vinicius de Moraes “A arca de Noé”, com Chico Buarque e Milton Nascimento; “O pato”, com MPB-4; “A corujinha”, com Elis Regina; “A foca”, com Alceu Valença; “Aula de piano”, com As Frenéticas; “A porta”, com Fábio Jr.; “O gato”, com Marina; e “Valsa para uma menininha”, com Toquinho. Completam a série musical as canções, só de Vinicius, “A casa”, com Boca Livre; “A pulga”, com Bebel e “As abelhas”, com Moraes Moreira; e as de autoria de Paulo Soledade e Vinicius de Moraes, “São Francisco”, com Ney Matogrosso e “O relógio”, com Walter Franco. Do disco “Arca de Noé 2” fazem parte as canções “O leão” (Fagner e Vinicius de Moraes), com Fager; “O pingüim” (Paulo Soledade, Toquinho e Vinicius de Moraes), com Toquinho; “O pintinho” (Caruso, Toquinho, Bardotti, Gilda Matoso e Vinicius de Moraes), com As Frenéticas; “A cachorrinha” (Tom Jobim e Vinicius de Moraes), com Elas; “O girassol” (Toquinho e Vinicius de Moraes), com Jane Dubc; “O ar” (Toquinho e Vinicius de Moraes), com Boca Livre; “O peru” (Paulo Soledade, Toquinho e Vinicius de Moraes), com Elba Ramalho; “O porquinho” (Toquinho e Vinicius de Moraes), com Grande Otelo; “A galinha D’Angola” (Toquinho e Vinicius de Moraes), com Ney Matogrosso; “A formiga” (Paulo Soledade e Vinicius de Moraes), com Clara Nunes; “Os bichinhos e o homem” (Toquinho e Vinicius de Moraes), com Céu da Boca; e “O filho que eu quero ter” (Toquinho e Vinicius de Moraes), com Paulinho  da Viola.