Respostas

2013-08-24T18:33:44-03:00
Objetivo: Avaliar a incidência de infecções bacterianas em pacientes queimados hospitalizados e a frequência dos agentes etiológicos responsáveis por estas infecções. Método: Os dados para esse estudo foram coletados no sistema de informação do laboratório de um hospital universitário, a partir da análise de resultados de culturas microbiológicas de feridas de pacientes queimados que tenham realizado ao menos uma vez este exame durante sua permanência no hospital, no período de janeiro a dezembro de 2009. Resultados: Aproximadamente 60% das culturas microbiológicas realizadas no ano de 2009 foram positivas para algum tipo de bactéria, sendo que os agentes etiológicos de maior incidência foram Pseudomonas aeruginosa, Acinetobacter baumannii e Staphylococcus aureus. Os meses de janeiro, fevereiro, maio e junho apresentaram taxas de infecção elevadas acima da média, em que foram identificadas as três bactérias anteriormente citadas, e ainda Enterobacter gergoviae, Morganella morganii e Xanthomonas maltophiliaConclusão: Em 56,7% das culturas microbiológicas de amostras de feridas de pacientes queimados realizadas em 2009, o resultado foi positivo. Os agentes etiológicos de maior incidência nas infecções em queimados foram: Pseudomonas aeruginosa (38,7%); Acinetobacter baumannii (24,4%); Staphylococcus aureus (19,3%). Esses patógenos foram responsáveis por 82,4% das infecções em pacientes queimados no ano de 2009.