Durkheim faz uma analogia da sociedade capitalista como um
organismo biológico, principalmente com o corpo humano . Cada organismo
biológico,corresponde a uma instituição social. Na visão durkheiminiana
qual seria o papel dessas instituições sociais:

1

Respostas

2013-08-25T15:51:43-03:00
                Para Durkheim a sociedade tem que funcionar como o organismo biológico, como um órgão humano: se funciona mal, entra em colapso. Ela é um organismo vivo, daí a ideia de funcionalismo por isso não é apenas a célula que se deve ser observada, mas todos os órgãos.                  Fato social independe do indivíduo, ele é induzido pela sociedade e quando há desordem na sociedade é chamado de “patologia” que pode provocar um colapso na sociedade.  Vários condicionamentos que a sociedade impõe o indivíduo como andar vestido, no casamento, dentre outros e onde o fato social deixa de prevalecer há desordem.                  Para Durkheim a ideia que essa teoria seja aplicada na prática e o fato social que o indivíduo cria inconsciente é algo que brota da necessidade de organismos sociais para resultados satisfatórios. Nunca vamos analisar individualmente, mas sim um todo. Ex: pensar além do casamento. Cada sociedade é específica e tem de ter estudo voltado para ela. Durkheim é um pensador que contribuiu para a sociedade se tornar ciência e vai atuar na pesquisa de campo influenciando outros cientistas a entender de forma objetiva e um  dos pensadores principais da sociologia.                     A perspectiva Durkheiniana tenta entender de forma profunda a sociedade e ir além dos finalismos. O mau funcionamento dos órgãos, a falta de políticas públicas e tudo que ele fala serve até hoje e não só em sua época. As funções surgem de uma necessidade dos indivíduos e temos de entender dentro de um contexto social para entender um indivíduo e seus referenciais. A sociedade tem de manter o mínimo da ordem porque senão, vira desordem e sempre pensando além do imediato. Para Durkheim a sociedade tem de contribuir para o todo, para que não forme patologias e para manter o equilíbrio da sociedade a solução é a tolerância, preservar a todos os direitos, impor regras, senão se torna o caus. Compreender cada elemento da sociedade como ele é, e não como queremos que seja.